Contato Whatsapp:
Contato Whatsapp:
Clima

Humaitá-RS

Clima

São Martinho-RS

Clima

Três Passos-RS

Clima

Crissiumal-RS

Vaca de produtores do interior de SP bate recorde mundial ao produzir 144 kg de leite

A vaca Poesia, da raça holandesa estabeleceu um recorde mundial ao produzir impressionantes 144,2 quilos de leite em menos de 24 horas na Expass (Exposição Agropecuária de Passos)

3 de julho de 2023
Vaca Poesia da raça holandesa quebra recorde em Exposição (Foto: GCN / Divulgação)

Dois pecuaristas dos municípios de Franca e Rifaina, no interior de São Paulo, têm motivos para comemorar um feito extraordinário durante a Expass (Exposição Agropecuária de Passos). Na última terça-feira, 27, a vaca Poesia, da raça holandesa, que pertence a ambos, estabeleceu um recorde mundial ao produzir impressionantes 144,2 quilos de leite em três ordenhas realizadas em menos de 24 horas. A medição aconteceu durante o Torneio Aberto de Leite e o produto é avaliado em quilos devido à sua densidade.

Até o último dia 27, o recorde mundial pertencia à vaca Marília, nascida em uma fazenda entre os municípios de Bananal e Areias (SP), que havia gerado 127,6 quilos de leite em três ordenhas em um torneio realizado em 2019.

Entretanto, nesta edição de 2023 da Expass, antes mesmo do feito de Poesia, Marília já havia sido ultrapassada. No mesmo dia 27, a vaca Baleia, da raça holandesa e originária de Alpinópolis (MG), foi recordista por algumas horas, pois havia produzido 132,2 quilos de leite nas três primeiras ordenhas do dia, assumindo a posição mundial.

Horas depois, Poesia superou com folga esse recorde. Um dos proprietários, Guilherme Caretta de Oliveira, 37, de Franca, descreve a sensação do momento. “A gente estava com a expectativa de ganhar o torneio, mas de quebrar o recorde, não, porque a vaca Baleia já havia batido o recorde (no mesmo dia, horas antes). Daí superamos. Ela (Poesia) quebrou o recorde com 144,2 quilos de leite. Nunca imaginamos que iria acontecer isso”, disse o pecuarista.

Sucesso
Poesia nasceu na cidade de Castro, no Paraná. Guilherme destaca que, após a competição, com o recorde alcançado por Poesia, alguns fazendeiros têm entrado em contato para tentar adquirir o embrião ou até mesmo a vaca recordista.

Ele e seu sócio, João Roberto Boleli, 65, de Rifaina, estão avaliando qual será o destino de Poesia após a exposição.

Ainda segundo Guilherme, a vaca Poesia provavelmente será incluída no livro do Guinness, que contém uma coleção de recordes e superlativos reconhecidos internacionalmente.

Fonte: Redação GCN

A melhor programaçãoonline

Selecione a rádio
Copyright 2024 ® - Todos os direitos reservados